Exclusividade dos deputados reprovada no Parlamento

http://www.publico.pt/politica/noticia/parlamento-volta-a-discutir-exclusividade-dos-deputados-1632566

Dançam juntos, agarradinhos, uma valsa decadente ao som da troika e da batucada dos banqueiros. Falam alto, dizem impropérios mas pedem "chiu que se vai cantar o fado" à população sempre que ela intervêm sem ser chamada. Quando são chamados à rua não atravessam pontes, não sobem escadas, por vezes criticam quem protesta nas galerias, e nunca ajudam na autonomização da população e dos movimentos sociais em relação "à sua agenda".

E no final de tudo isto, ai de quem diga que vão para a cama uns com os outros ou insinue que defendem interesses comuns. "Não, isso não, que isto é tudo gente honrada (ou ideologicamente pura) que defende os supremos interesses da população" e "todo o obscurantismo e tática é afinal necessário para atingir fins últimos" que nunca os vemos atingir.

Agora é 25 de Abril, 1 de Maio e xi-xi cama, que vêm aí as eleições e não é tempo de mobilizar que não para comícios, arruadas, e a participação nos debates que os outros permitem. Mobilizar agora? não, claro que não! E a orquestra vai tocando. E o navio afundando. Fantástico.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: