Urgência de abrandar

Aprendi à minha custa que a palavra "urgência" é pior para a unidade dos movimentos do que a palavra "parado". Todas as fracturas a que assisti por motivos de um movimento estar "parado" foram pacificas e com frequência bem humoradas. Todas as saídas a que assisti por um movimento reagir a urgências e oportunidades únicas desunindo-se e fracturando-se foram comparativamente "violentas". Face a este background pick your risks and make your choices. A mim parecem-me óbvias.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: