Cortar a luz à EDP?

Eu, EDP, cobro as minhas dívidas. Por isso, na mesma altura em que anuncio 792 milhões de lucro não hesito a continuar a cobrar de um estado endividado todas as rendas que contratei com os meus amigos no governo. Nem hesito em cortar a energia a todos os cidadãos que não podem pagá-la, independentemente das condições familiares que enfrentem. Sim porque eu EDP sou honrada e por isso sou entrevistada com frequência na televisão e na rádio dando opinião sobre tudo o que me interessa. Até porque financio activamente alguns meios de comunicação social. Por isso as minhas opiniões são ouvidas. E por isso tenho acesso directo aos governantes e posso interferir directamente nas políticas que me afectam. Posso inclusive despedir governantes que não me servem e contratar outros que me interessem mais. E que fique bem claro: se me afrontarem, eu EDP, eu que já fui uma empresa pública antes se ter sido vendida a importantes grupos empresariais e financeiros, eu que fixo os salários dos meus gestores como quero e bem entendo, eu que contratei ex-governantes influentes (António Mexia, Eduardo Catroga) e lhes pago principescamente (António Mexia, Eduardo Catroga), eu EDP não hesitarei em subir os preços da electricidade de todos os que se atreverem a colocar os meus interesses em causa. Sim, eu EDP, sou honrada. E como é fácil é ser honrada sendo com eu, EDP.

Não seria honrado cortar a luz à EDP? Ou, pelo menos diminuir-lhe o sorriso dos lucros?

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: